Em meio à crise, Grupo IHC registra crescimento de receita de 25% em 2015

  • Home
  • CYLK NA MÍDIA
  • Em meio à crise, Grupo IHC registra crescimento de receita de 25% em 2015

O Grupo IHC, que engloba as empresas InLearn, HighCast e CYLK com atuação nas áreas de serviços profissionais, integração de sistemas e treinamento em TI & Segurança, anuncia os resultados do ano fiscal de 2015. Com crescimento de aproximadamente 25%, os fatores que impulsionaram a receita foram o planejamento estratégico e a ampliação das ofertas da companhia por meio de novas alianças com fornecedores e a ampliação dos serviços de NOC (Network Operations Center).

O ano de 2015 foi considerado bastante desafiador por conta da crise política e retração da economia nacional, levando as empresas a revisarem seus ciclos de investimentos. “Embora o segmento de TIC tenha crescido pouco mais de 5% em comparação a 2014, ainda assim encontramos um cenário de encolhimento real descontando a inflação do período. Este quadro já se desenhava ao longo de 2014, e todo o planejamento estratégico para o ano seguinte foi montado levando-se em consideração esta mudança, somado a um controle de gastos mais eficiente e priorização de investimentos para atividades diretamente relacionadas à geração de valor para o cliente, ainda assim obtivemos resultados totalmente dentro do planejado”, diz Carlos Carnevali Jr, presidente do Grupo IHC.

Ao longo do ano, o Grupo redirecionou seus esforços para setores menos impactados pela retração econômica, como o Financeiro, de Serviços e Saúde, e corporações que atuaram no contra fluxo das perdas cambiais (empresas com foco em exportação). Segundo Carnevali Jr, “o perfil de investimento foi bastante concentrado em soluções de redução de custo e aumento de eficiência operacional, para cada novo projeto ou contrato uma detalhada análise de retorno foi explorada junto à maioria de nossos clientes. Por fim notamos um aumento muito significativo em serviços gerenciados e contratos voltados à operação de TI versus investimentos em novas tecnologias”.

Confira a matéria completa no portal Agência Estado.


Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *